02
nov
08

Indefinível Swing

Matéria com a banda Filha Solteira no maior jornal de Bauru:

Indefinível swing
Banda bauruense Filha Solteira grava seu primeiro disco e mostra o resultado da mistura de suas influências musicais
Karla Beraldo
Um vish… seguido de muitas gargalhadas foi a reação unânime dos integrantes da “Filha Solteira” diante de uma pergunta recorrente mais sem resposta para a banda: “como vocês definem o som que fazem?”. Isso porque eles próprios não sabem dizer o que acontece quando a voz de Tatiana Koschelny, as guitarras de Raul Lorezenti e Thiago Russo, o baixo de Danilo Porco e a batera e percussão de Eduardo Dubowski se encontram no palco.“A única coisa que sabemos é que dá certo”, simplifica Raul. O que a banda propõe mesmo é que as pessoas escutem as faixas do primeiro EP da “Filha”, que podem ser baixadas gratuitamente no myspace oficial do grupo (www.myspace.com/filhasolteira), e tentem chegar a alguma conclusão sobre a mistura de samba, rock, reggae, salsa, funk e jazz produzida pelos músicos. Para ajudar, entre as influências da Filha estão Nação Zumbi, Mundo Livre S/A, Chico Buarque, Seu Jorge, Farofa Carioca, The Beatles, entre muitas outras.

O disco, que deve ser lançado ainda neste mês, traz cinco composições que, segundo a banda, são um convite à farra e à boa música. “É um som para dançar. As letras têm também todo um clima festeiro, de noite”, agora sim define Russo.

“Mais Uma Pra Dançar” expressa bem esse “lema” da banda com o refrão “Não importa nosso nome/o que importante é fazer você dançar” enquanto “Cerveja” faz um convite ao boteco e àquela gelada. O disco tem ainda “Vem Ver”, “Lá no Bar” e a metalinguística “Samba Manco”.

Com a gravação do CD, a banda bauruense, formada por estudantes universitários, pretende ir além dos limites da cidade. “O CD vai funcionar como portifólio para divulgação do nosso trabalho”, espera Eduardo.

Existente há um ano, o grupo surgiu como normalmente acontece no circuito universitário: alguém que tem vontade de montar uma banda, que tem um amigo que toca, que conhece alguém que canta e por aí vai. “Eu e o Raul morávamos na mesma república, gostamos muito de música e compúnhamos juntos algumas canções. Com o amadurecimento da idéia vieram os outros integrantes para dar tempero aos arranjos e sons”, conta Russo.

Ambos os amigos e a vocalista Tatiana são estudantes da Universidade Estadual Paulista (Unesp) de Bauru. Já Danilo e Eduardo estudam na Universidade do Sagrado Coração (USC).

Anúncios

0 Responses to “Indefinível Swing”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Creative Commons License

Atualizações Twitter

novembro 2008
S T Q Q S S D
« out   dez »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

Fundação

A MGAssessoria começou em 2006 e o site está no ar desde 04.11.2008.

Estatísticas

  • 114,806 visitas

MGAssessoria Fotos

RSS Dot Gospel

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

%d blogueiros gostam disto: